Como todos os sitios web utilizamos cookies. Se desejar continuar a navegar estará a aceitar a la política de privacidad e cookies.

Dicas

Lares anti-alérgnos

Acordar um dia com um nariz tapado, tosse seca ou com dor de cabeça, precisamente no momento que estamos a viver pode ser motivo de psicose para muitas pessoas.

Um motivo de psicose que surge todos os anos e que noutras circunstâncias não geraria nenhum tipo de ansiedade:  é a temida alergia primaveral.

Neste post, vamos falar da importância de como diferenciar a alergia do Covid-19 e sobre como podemos proteger o nosso lar dos agentes alérgenos que vão povoar as nossas cidades nas próximas semanas.

E, segundo uma entrevista feita ao doutor Francisco Feo, publicada pelo Diário ABC, a tosse é assinalada com um dos melhores indicadores de confusão entre alergias primaverais e o Covid-19.

Para este médico é muito simples distingui-las, pois no caso do coronavírus acrescenta-se um mal-estar geral desde o início, tendendo a haver febre moderada-intensa e dificuldades respiratórias que vão progredindo.

É importante recalcar às pessoas alérgicas que este ano devem ter especial precaução com algumas atitudes como coçar o nariz e os olhos devido à comichão, pois pode favorecer a infeção.

E num momento em que se vai passar tanto tempo em casa, é mais importante que nunca manter o espaço o mais livre possível de elementos que possam afetar a nossa saúde.

Nesta matéria, as mosquiteiras ideadas pelo nosso departamento de I+D têm muito que dizer.

As mosquiteiras da Giménez Ganga, com uma ampla variedade de configurações e sistemas de abertura que se adaptam a qualquer tipo de porta ou janela, não só repelem o acesso a insetos, como também evitam a entrada do pólen tão desagradável.

Uma solução ideal para permitir a passagem do ar e manter o espaço saudável.

Uma solução para quem deseja criar lares muito mais seguros na época mais temida do ano.